Foto: Divulgação

Rock + Cerveja. Que Paixão é Essa?

(Nota) Fizemos este post especialmente para a caixa #006 do BeerFlakes (clique aqui) justamente com o tema Rock & Brew onde nós falamos sobre este dois amores incondicionais e que se não fosse ele, o RockBreja não estaria aqui, resolvemos então postar e deixar eternizado em nosso site! Boa leitura!

Como pode duas paixões, que nasceram em tempos tão diferentes, terem essa química louca e serem tão aclamadas por seus fiéis seguidores? Esta história de amor entre o Rock e a Cerveja não dá para explicar meus caros, apenas sentir.

Não temos como determinar quando nossa musa inspiradora “nasceu”, mas estima-se que a cerveja tenha dado o ar de sua graça lá por 6000 A.C, na Suméria, e teria sido um “acidente de percurso” dos povos mesopotâmicos.

O rock por sua vez, já é um senhor com mais de 60 anos de idade e traz na bagagem grandes mestres como Chuck Berry, Fats Domino, Little Richard, Jerry Lee Lewis e Gene Vincent. Assim como a cerveja, o rock começou a se diversificar e hoje conta com um público apaixonado para cada um de seus estilos. O que para muitos era “rebelde”, hoje em dia é peça fundamental na música mundial.

A cerveja acaba se tornando popular no mundo dos “Rockstars” na década de 50 e passa a ser item fundamental nos bastidores do mundo “malvado” dos rockers!

Entrando no Brasil, a paixão entre eles começa a ter maior visibilidade com os grandes festivais, onde além da cerveja é possível contar com participações de grandes bandas, apresentações memoráveis e clima de diversão. Uma combinação perfeita, não acham?

Raimundos no Skol Rock / Foto: Marcelo Rossi

Ambos se reinventaram ao longo dos anos e hoje é possível encontrar vários festivais cervejeiros onde o rock é presença confirmada. Exemplos como Blondine Rock Fest, Invicta Rock Festival, e até mesmo festivais que não são 100% rock como Slow Brew Brasil, Mondial de La Biere, são sempre sinônimo de sucesso.

Cover do AC/DC durante o Blondine Rock Fest 2016

Várias bandas como CPM22, Iron Maiden, AC/DC, Matanza, Sepultura, Angra, decidiram lançar rótulos com seus nomes o que para vários colecionadores (incluindo eu que vos escrevo) é sinônimo de item novo na coleção e ao que parece essa lista não vai parar de crescer (continue assim).

O mundo digital retrata bem esta paixão e hoje conta com muitas contas no Instagram, Facebook, Twitter e websites com este tema Rock e Cerveja e o numero só vem crescendo. O RockBreja, pode não ter sido o primeiro mas aborda de uma forma harmônica os dois assuntos, afinal sobre harmonia o rock e a cerveja se entendem muito bem!

A paixão entre o Rock e a Cerveja não tem dia, data e nem hora para acabar. Dia a dia surgirão outros que vão levantar estas duas bandeiras e a luz nunca irá se apagar. Keep Rocking Beer!

 

*Texto de Jack Soriano e Henrique Carnevalli

 

#RockBreja

About Henrique Carnevalli

Viciado em música, Pirado na fase psicodélica do Ronnie Von e Corinthiano. Lupúlomaníaco e Beer Sommelier formado no ICB.

Check Also

“Both Sides of the Sky”, novo álbum com canções de Jimi Hendrix será lançado em 2018

Comentários no Facebook

Comentários

%d blogueiros gostam disto: